Chamomiles%20at%20the%20grass%20backgrou
Ligia Ramos Finalizado.png

Minha História

76341_155069894536695_8194600_n.jpg

Vou começar com o quase clichê de desde pequena... Desde pequena percebia que era diferente de outras crianças, tendo uma maior sensibilidade do mundo invisível. Venho de uma família mágica – mística, tendo frequentando terreiro de candomblé, pois essa era a fé do meu pai biológico, já por parte de mãe era comum às benzeduras e remédios caseiros, bem como práticas que muito mais tarde, após muitas pesquisas, eu vim nomear como sendo stregheria. Quando criança e começo da adolescência eu pensava que as práticas e costumes da minha família eram normais a todos, descobri que não ao sofrer bullying na escola.

Cheguei a começar a fazer catecismo, afinal minha avó era catequista, mas meu comportamento questionador me fez entender que aquele não era o meu caminho. Frequentei o kardecismo, mas foi só em meados de 1998 quando conheci a ainda Escola Livre (hoje universidade) Casa de Bruxa que comecei a entender quem eu era e qual era o meu caminho.

Tive várias formações na Casa de Bruxa dentre elas:

  • Aconselhamento Metafísico (Bruxaria Natural) – 2004

  • Runas – 2004

  • Introdução a Vidas Passadas – 2008

  • Clube das Deusas – Deusa Ísis e Freyja - 2012

  • Introdução a Magia Tântrica – 2012

  • Cozinha de Bruxa – 2012

Paralelamente sempre busquei ler e beber de muitas fontes, e após uma leitura de runas com uma querida amiga recebi um chamado das próprias runas e dos deuses do Norte me convidando (ou convocando) a estudar e me aproximar dessa energia. Sendo acolhida por Odin e mais tarde por Freyja acabei me especializando nas runas nórdicas e tendo meu culto principal a esses deuses.

Ainda na Casa de Bruxa ministrei curso de runas, bem como realizei alguns rituais e palestras tanto na Casa quanto na Convenção de Bruxas e Magos de Paranapiacaba.  E com uma amiga e apoio da Casa de Bruxa organizei e realizei a primeira e segunda semana de São Francisco que arrecadou toneladas de ração e ajuda para a causa animal da região do ABC Paulista nos anos de 2012 e 2013 respectivamente.

Começando a alçar novos voos em 2011, junto de um amigo, desenvolvi o projeto chamado #EuSouBruxo que tinha como objetivo a valorização e desmistificação da bruxaria e paganismo. Projeto lindo, mas que se mostrou inviável ao longo do tempo por diversas questões e que acabou sendo completamente extinto no final de 2017.

Em 2015, sentindo a necessidade de renovação, me desliguei completamente da Casa de Bruxa, e me voltei a minha ancestralidade, me descobrindo strega e então procedendo com os ritos ‘’oficiais’’ de iniciação.

Sempre fui muito conectada ao mundo invisível, e minhas iniciações e ritos de passagem sempre se deram antes no astral, e depois, de alguma maneira, trazidos para o plano material.

557087_449204995123182_1351299050_n.jpg

Passei por várias sendas espirituais, porém tenho o politeísmo (e o poliamor com os deuses) e paganismo como sendo a minha religião e filosofia de vida.

A bruxaria para mim, além de estar relacionada com costumes e tradições de família, também é meu oficio. Tendo a feitiçaria, e a feitiçaria de cozinha como grandes aliadas, e com o tempo e estudos aprendi a criar meus próprios feitiços e rituais.

Por muitos anos me dediquei ao artesanato mágico, criando e desenvolvendo produtos exclusivos, em 2016, após um congresso de empreendedorismo decidi que era hora de levar as runas e o paganismo nórdico para mais pessoas, a fim de desmistificar e tirar aquele gosto ruim e fama de machista e preconceituoso que os nórdicos recebem. E a partir daí não parei mais de criar e realizar eventos.

Também participei de vários eventos e encontros da comunidade pagã e bruxa destacando a Mystic Fair e Dia do orgulho Pagão SP e Dia do orgulho Pagão Botucatu, além de participação em programas na Rádio Mundial e MKK Web Rádio.

Estou sempre em aprendizado e buscando novos e velhos caminhos, descobri na confecção de pós parte de minha ancestralidade espiritual, tendo também a escrita como grande aliada para conexão e canalização de todo esse caminho, crio muitos poemas e também escrevo e resenhando séries sobre bruxaria e afins, e finalmente comecei a trilhar um novo (ou velho) caminho com a espiritualidade celta, entre outros estudos e iniciações, como o reiki. 

Outras formações:

  • Pós de Encantamento com Estrela Dourada Terapias - 2017

  • Magia Cigana e Baralho Caveira Lenormand com Paulo Kallegari – 2019 e 2020 respectivamente.

  • Espiritualidade Celta com Juju Couto – 2019 /2020.

  • Reiki nível 1 e 2 - 2020.

Afinal a bruxa nunca para de aprender.